Por que terceirizar sua TI e que pontos devem ser levados em consideração ao selecionar uma empresa?

 em Informação

Entendemos que nos dias atuais as empresas enfrentam grandes dificuldades em manter recursos humanos e financeiros próprios para um atendimento profissional adequado interno em seus negócios.

Percebe-se que a evolução tecnológica vem atingindo uma velocidade de mudanças tão grande, que não permitem muitas vezes que os profissionais internos acompanhem sem o apoio de uma consultoria técnica especializada.

Assim um caminho considerado ideal quem os empresários vêm buscando para driblar este problema é a terceirização deste setor.

A seguir veja 7 pontos importantes a serem considerados para a contratação de um parceiro que tome conta do ambiente de TI de sua empresa.

1) Alinhamento inicial

É de extrema importância que antes da contratação de qualquer prestador de serviço de TI, se realize o agendamento de uma reunião com o terceiro que irá lhe atender, a fim de um alinhamento e apontamento das reais necessidades do seu negócio.

Conhecer as tecnologias empregadas no dia-a-dia, metodologias de trabalho, demais empresas do mesmo segmento que são atendidas pela terceirizada também evitam diversas surpresas futuras. Com isso pode-se avaliar se os processos de trabalho serão de fato atendidos da forma esperada.

 

2) Levantamento técnico.

Solicitar a empresa que se pretende contratar uma análise completa da rede a fim de avaliar todo o parque de hardwares e softwares.

Com isso é possível identificar equipamentos que precisarão de manutenção ou substituição e seus prazos, além da identificação de todo o licenciamento necessários para a operação do negócio de uma forma legal.

 

3) Documentação

No início dos trabalhos a empresa terceira deve partir do seguinte ponto; Criação de uma documentação completa do cliente. Este trabalho consiste em mapear toda a rede destacando: links de internet ativos, filtros de internet, servidores da rede, switchs, roteadores, estações de trabalho e equipamentos diversos que fazem parte dessa rede, a fim de propiciar a qualquer profissional técnico que tenha acesso a esse material entender e dar o suporte necessário em qualquer momento.

 

4) Cronogramas

Um ponto muito importante é projetar junto ao parceiro um cronograma muito bem definido para que sejam feitas as aquisições de novos equipamentos a fim de renovar o ambiente mantendo a produtividade da equipe. Também como já identificado em passos anteriores, programar os custos para aquisição das possíveis licenças de softwares necessárias para a operação.

Neste momento é possível em um trabalho conjunto adequar as demandas de melhorias e projetos para todos os departamentos, sendo possível assim realiza-los gradativamente atendendo as necessidades operacionais, financeiras além dos prazos estipulados.

 

5) Suporte

Manter um relacionamento próximo ao terceiro é uma dica de ouro. Recomenda-se eleger um colaborador interno da empresa para que seja o canal principal de intermediação junto a contratada, com isso pode-se entender os procedimentos realizados, tempo gasto para cada atendimento e projetar de uma forma mais próxima as mudanças necessárias sem que impactem diretamente na rotina da equipe.

Outra consideração importante é manter através da ferramenta disponibilizada pela contratada o registro de todos os atendimentos/chamados, com isso é possível identificar solicitações que se repetem a cada mês, assim buscar a troca de um determinado equipamento (por exemplo), eliminando o problema de imediato e evitando despesas continuas com atendimentos recorrentes.

 

6) Gestão

Através de um suporte terceirizado pode-se solicitar relatórios gerenciais sobre a performance de sua rede e de seus serviços ativos, além de obter via monitoramento um suporte pró ativo de seus servidores.

Também é possível mensurar quais são os departamentos de sua empresa que mais demandam da equipe de suporte técnico e com isso promover treinamentos internos do uso das ferramentas e soluções a fim da especialização e do aumento da produtividade da equipe.

A administração da rede por equipes terceirizadas é de fato uma grande vantagem competitiva para empresas que a possuem, pois permitem receber informações de inovações e bases de conhecimentos que estão aparecendo no mercado, implanta-las em seu negócio e permitir que seus gestores deem a devida atenção ao seu ‘core business’ evitando desprender energia com atividades paralelas.

 

7) Segurança

Por último destacamos a questão da segurança da informação. Hoje com o crescente número de ameaças e softwares maliciosos é inevitável que em determinado momento suas máquinas sejam alvo de um “cyber ataque’ ou que seu servidor seja invadido e ocorra um sequestro de dados (os dados são copiados e criptografados impedindo o acesso, e possivelmente disponibilizados novamente mediante a pagamento realizado ao criminoso).

É altamente recomendado que se atente a filtros de segurança das informações trafegadas na rede, instalação de um bom antivírus pago, serviço de ‘AntiSpam’, uma ferramenta especialista de backup que realize a cópia dos dados e garanta a integridade e disponibilidade dos mesmos a qualquer momento, além é claro da conscientização do time interno sobre o uso das informações e cuidados necessários com os acessos diários.

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

Cabeamento estruturado